Sala Climatizada


Sala climatizada de preparo de alimentos

A Girelli Refrigeração com sua equipe de engenharia e comercial está preparada para atender suas necessidades em salas climatizadas de preparo de alimentos. Em supermercados e açougues essas salas são também chamadas de sala de corte, já em fábricas podem ser  chamado de sala de preparo como sala de embalagens em alguns casos. Também são utilizadas em padarias.

A sala climatizada tem que atender tanto a qualidade do alimento a ser preparado como também a saúde do trabalhador dessa sala, isso é possível com a correta utilização de materiais que tragam a correta distribuição do ar na sala, na vazão correta, com a diminuição da temperatura de acordo com as normas vigentes, materiais que sejam de fácil limpeza, a corrosão deve ser um fator a ser estudado antes da execução do projeto, salas de salga, produtos lácteos podem concentrar na atmosfera próxima grandes quantidades de sal e ácidos que inevitavelmente atacarão todo equipamento instalado, isso é contornado com a seleção correta do material a ser utilizado.

O controle de umidade da sala de preparo também deve ser observado, isso é possível com adoção de evaporadores corretos, aumentando a troca de calor latente e evitando a umidade excessiva do ambiente, essa umidade deve ser controlada entre 60% e 70%, lembrando que essas salas são úmidas ao natural pela condição de operação, seja pelos alimentos e principalmente pelas pessoas que trabalham nela.

unnamed

As temperaturas usualmente adotadas para salas de preparo de alimentos são:

  • Supermercados, casa de carnes, panificadoras 14ºC ~ 18ºC;
  • Industrias de porte pequeno e médio de derivados de carnes e massas 12ºC ~ 14ºC;
  • Frigoríficos de carnes e pescados 10ºC ~ 12ºC;

Essas temperaturas devem ser consultadas na ANVISA e em sua Secretaria Municipal de Vigilância Sanitária, são apenas de cunho orientativo e podem sempre mudar conforme normas vigentes em sua região e também por força de alteração das leis.

O projeto de uma sala climatizada conforme visto passa por diversos fatores, que devem ser colocados nesse nível de hierarquia:

  • Saúde do operador e correta manutenção da temperatura e umidade na sala;
  • Conforto do operador;
  • Qualidade do material utilizado;
  • Eficiência energética.

unnamed

A eficiência energética se obtém pela correta adoção de barreiras de ar, seja por meio de portas adequadas e somando a isso caso necessário cortinas de ar, a adoção de equipamentos que adotem válvula de expansão eletrônica, automação de qualidade, programação correta, inversores de frequência e por último, no entanto não menos importante, a utilização de compressores e ventiladores de qualidade reconhecida no mercado por meio de certificados nacionais e internacionais.